Menu

Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Mulher que matou e congelou marido, está em liberdade

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina, através da 1ª Câmara Criminal, concedeu a liberdade para Claudia Hoeckler, acusada de assassinar o marido em Lacerdópolis, no Meio-Oeste, e congelar o corpo no freezer da residência.

Claudia estava presa na unidade feminina de Chapecó e está sendo colocada em liberdade atendendo um pedido do escritório de advocacia, Alencar e Martinazzo de Joaçaba. Conforme as informações apuradas pela equipe da Atual FM, Claudia Hoeckler, deverá ficar em Joaçaba, mas aguardando em liberdade o seu julgamento.

O advogado de defesa, Marco Alencar, afirma que no pedido encaminhado ao TJSC houve a alegação de que Cláudia tem residência fixa, tem trabalho lícito e no dia anterior ao crime teria sofrido violência doméstica.

 

Depois de se apresentar na Polícia Civil, Cláudia Hoeckler, teria dado a sua versão sobre o caso e também contato alguns detalhes do crime. Valdemir Hoeckler, 52 anos, teria sido asfixiado. O corpo teria sido colocando dentro do freezer da casa onde ficou por alguns dias.

Buscas foram feitas depois do registro de desaparecimento da vítima. O corpo foi localizado pela Polícia Civil quando informou que iria até a casa para fazer uma varredura completa. Claudia deixou o local e se apresentou alguns dias depois. Na época, ela disse que sofria violência doméstica, um dos motivos do cometimento do crime.

 

Fonte:

Atual FM/Portal Eder Luiz

FOTO: Eder Luiz