Menu

Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Assassino de jovens em escola do PR, é encontrado morto na cadeia

O assassino, de 21 anos, que matou dois estudantes no Colégio Estadual Professora Helena Kolody, em Cambé, norte do estado, foi encontrado morto na Casa de Custódia de Londrina na noite de terça-feira (20), segundo a Secretaria da Segurança Pública do Paraná (Sesp).

O assassino, de 21 anos, entrou na escola na última segunda-feira (19) e, de acordo com a Polícia Militar, foi até a direção da escola com a justificativa de solicitar documentos. Ao chegar na instituição, o homem teria realizado os disparos. A estudante Karoline Verri Alves, de 16 anos, morreu ainda no colégio após ser baleada.

O namorado de Karoline, o estudante Luan Augusto, de 16 anos, foi baleado na cabeça, socorrido e levado para o Hospital Universitário de Londrina (HU), mas acabou falecendo na madrugada desta terça-feira (20). O autor dos disparos, por sua vez, tinha sido preso logo após o atentado.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Paraná, foram apreendidos com o assassino a arma do crime e um caderno com anotações sobre ataques em escolas, incluindo o ocorrido na cidade de Suzano, em São Paulo, em março de 2019. A pasta disse ter entrado em contato com a família do atirador e foi informada de que ele era esquizofrênico e fazia tratamento para a doença.

Créditos: RPC PR/Pleno News

Foto: EFE/Filipe Barbosa